1 O Internacional bateu o Pelotas por 3 x 2, conquistou a Taça Fábio Koff e vai decidir o Campeonato Gaúcho contra o Grêmio, ganhador da Taça Fernando Carvalho.

2 O Avaí empatou com o Figueirense por 1 x 1 e ficou com o título do segundo turno do Catarinense por ter feito melhor campanha. Na grande final encara o Joinville, campeão do primeiro turno.

3 O Coritiba é campeão paranaense. Com a vitória de hoje, por 2 x 0, sobre o Atlético, o Coxa garantiu antecipadamente o título.

4 Bahia X Vitória será a decisão do Campeonato Baiano. Os dois grandes de Salvador apenas empataram diante de Bahia de Feira e Camaçari, respectivamente. Porém, tinham melhores campanhas e se classificaram para a final.

5 O Ceará bateu o Guarany de Sobral, por 1 x 0, na final do segundo turno do Cearense. Agora enfrenta o Fortaleza, vencedor do primeiro turno, na finalíssima.

6 No Rio Grande do Norte, ABC e Corinthians de Caicó fizeram, no sábado, o primeiro jogo da final. O ABC goleou por 5 x 1 e pode perder o segundo jogo por até quatro gols de diferença.

7 As semifinais em Pernambuco estão definidas. Sport X Central e Náutico X Santa Cruz.

8 Em Goiás, a final será entre Atlético e Santa Helena. A dupla eliminou os tradicionais Goiás e Vila Nova nas semifinais.

9 Parabéns ao Botafogo! Bateu o Flamengo por 2 x 1 e quebrou a escrita do vice-campeonato. Fogão campeão carioca 2010!

10 Em São Paulo, a final será entre Santos e Santo André. Os santistas passaram pelo São Paulo e o Santo André pelo Grêmio Prudente nas semifinais.

11 Em Minas Gerais, o Ipatinga eliminou o Cruzeiro e faz uma final inédita contra o Atlético, que passou pelo Democrata de Governador Valadares.

Anúncios

todo elenco reunido no início da temporada

Tinha mesmo que ser decidido no quinto set. As duas melhores equipes do vôlei feminino brasileiro fizeram um jogaço na manhã deste domingo. E no final deu Osasco.

A equipe que perdeu as últimas quatro finais da Superliga, exatamente para o Rio de Janeiro, e que esteve à beira da extinção ao final da temporada passada, é hoje campeã brasileira.

Méritos para a comissão técnica liderada por Luizomar de Moura, que correu atrás de novos investidores e comandou brilhantemente a equipe fora da quadra.

E claro, méritos também para as jogadores, que, fizeram uma grande campanha e na final, visivelmente emocionadas e pressionadas depois de começarem perdendo por 4 x 0, viraram o quinto set excepcionalmente.

É difícil ver uma final com um nível técnico tão alto. Digo isso, porque normalmente é um jogo muito nervoso e os nervos acabam dominando as ações. Mas hoje vimos grandes jogadoras apresentando seu melhor vôlei.

Destaque para Natália, do lado de Osasco, com 28 pontos, e Joycinha, do lado do Rio.

Parabéns a Osasco, tetracampeã da Superliga Feminina de Vôlei!

A final da Superliga Feminina de Vôlei já está definida e será disputada no próximo domingo. Enquanto isso, a Masculina terá a definição dos últimos dois semifinalistas nesta terça. A Superliga de Vôlei vai chegando ao final de mais uma grande edição, a 16ª da história.

18 finais e 9 títulos em quadra

Quando a partida final terminar, os números acima passarão para 20 e 10, respectivamente.

Osasco e Rio de Janeiro decidem mais uma vez a Superliga Feminina. A hegemonia das duas equipes no torneio é inquestionável. Osasco vai para a sua 11ª final e o Rio de Janeiro para a 9ª. E juntos, os times já têm nove títulos: três do Osasco e seis do Rio.

Esse será também a sexta decisão consecutiva entre as equipes. E nesse quesito, a superioridade do Rio de Janeiro é grande. A equipe comandada por Bernardinho venceu quatro dessas finais e perdeu apenas uma.

A final desse ano será disputada em jogo único, no domingo (18), no Ginásio do Ibirapuera, em São Paulo. Favorito? Eu não me arrisco.

Cruzeiro e Pinheiros esperam adversários

Já garantidos nas semifinais do torneio masculino, o Cruzeiro (2º) e o Pinheiros (5º) assistem de camarote, nesta terça, a definição dos outros dois semifinalistas.

O terceiro e decisivo jogo do confronto entre Montes Claros (3º) e Brasil Vôlei (6º) será, às 18h30, no interior mineiro. O vencedor encara o Cruzeiro nas semifinais. Já a decisão entre Florianópolis (1º) e Caxias (8º) será na capital catarinense, às 20h30.

O nível da Superliga Masculina nesta temporada foi espetacular. Praticamente todos os jogadores da Seleção Brasileira estão na disputa e o equilíbrio foi a tônica da competição.

Certeza é só uma: grandes jogos não vão até o final na competição.